Usamos cookies para que nosso site funcione da melhor forma e para coletar informações que nos ajudam a aprimorá-lo para você.
Informações sobre privacidade e cookies

OK
  1. Em foco
  2. Vedações subterrâneas Roxtec
  3. Enfrentando falhas nos comutadores
  4. Como garantir o fornecimento contínuo de energia

Como garantir o fornecimento contínuo de energia

Elimine as principais ameaças à operação confiável.

Como garantir o fornecimento contínuo de energia

As subestações elétricas estão expostas ao risco de infiltração em nível de estrutura. Roedores podem danificar o equipamento, enquanto água e poeira podem causar atividades de descarga parcial e falhas subsequentes na distribuição de energia. Para garantir a continuidade, as operadoras devem lidar com desafios como acomodação do solo, alta carga de cabos e água corrente.

As vedações tradicionais de penetração de cabos, como mástique e materiais compostos, sempre acabam falhando com o tempo – ou mesmo imediatamente. Elas não são capazes de reter cabos móveis pesados e, muitas vezes, são arrancadas das paredes. Além disso, raramente os instaladores conseguem vedar entre vários cabos. O resultado é a infiltração de água e poeira, umidade, condensação, descargas parciais e interrupções de energia muito caras. 

3 formas de proteger sua subestação

A expressão "Sempre fizemos desse jeito" deixou de ser suficiente. Vejamos o que você pode realmente fazer para proteger de forma eficiente sua subestação e seus equipamentos e, consequentemente, garantir o fornecimento estável de energia:   

  1. Especificar uma solução de vedação subterrânea capaz de ser instalada até mesmo em água corrente. Não é possível usar mástique nem materiais compostos, pois a cura e a secagem são impossíveis sob água corrente. 
  2. Certifique-se de escolher uma vedação de cabo que seja rápida e fácil de instalar por um lado da parede.
  3. Use uma vedação forte o suficiente para reter cabos de energia grandes que entram um a um por meio de dutos na parede ou em formação de trevo através de um duto maior. Ela deve ser capaz de se manter estanque independentemente da acomodação do solo em cabos enterrados diretamente ou quando os cabos são puxados, dobrados ou torcidos. Um verdadeiro desempenho de retenção de cabos significa que os cabos são capazes de suportar as cargas esperadas nas condições de instalação normais.

White paper: "Efeitos da umidade em subestações"

Quer saber mais sobre como evitar descargas parciais e manter as condições de operação ideais para comutadores e outros equipamentos de alta tensão? Leia o white paper da EA Technology "Efeitos da umidade em subestações".

Baixar o white paper

Sua privacidade é importante: